Vitória da Conquista lidera o número de casos e mortes por Dengue na Bahia

Vitória da Conquista lidera o número de casos e mortes por Dengue na Bahia
Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

Com 12.304 casos prováveis de Dengue e a quinta morte confirmada pela doença pela Câmara Técnica Estadual, Vitória da Conquista enfrenta um cenário desafiador. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) emitiu recomendações urgentes para que o município intensifique suas ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, bem como amplie o horário de funcionamento dos postos de saúde, inclusive aos finais de semana e feriados, para assegurar a assistência aos pacientes com suspeita de Dengue. Além disso, um ofício direcionado à Prefeitura sugere a imediata instalação de unidades de referência para acolhimento, notificação, coleta de amostras e referenciamento para unidade hospitalar, quando necessário. “Contudo, as medidas propostas ainda não foram plenamente adotadas pelo município. Vitória da Conquista possui mais que o dobro do número de casos de Salvador (5.092) e quase quatro vezes mais o número de notificações de Feira de Santana (3.270). Essa falta de unidades de assistência municipal tem causado superlotação na UPA estadual de Vitória da Conquista. Embora a unidade esteja disponível para atendimento de cidadãos de qualquer origem, os residentes de Vitória da Conquista respondem por mais de 97% dos atendimentos. No local, designado para urgências e emergências, 61% dos atendimentos são casos menos urgentes que deveriam ser gerenciados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS) municipais”, disse a Sesab.


Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.



Deixe seu comentário

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Saiba Mais