Em Guanambi, polícia desarticula de quadrilha responsável por receptação de caminhões furtados

Em Guanambi, polícia desarticula de quadrilha responsável por receptação de caminhões furtados Foto - Divulgação / 17º Batalhão de Polícia Militar

Na última quarta-feira (07), policiais militares do 17° BPM receberam a informação acerca do furto de um caminhão na cidade de Ilhéus ocorrido no último dia 03 de julho. Segundo informações do proprietário, o caminhão, um dia após o furto, teria sido visto trafegando pela cidade de Vitória da Conquista em direção a Rodovia BA 262 e estaria em Guanambi. Diante disso, os Policiais do 17°BPM verificaram um terreno murado onde estavam guardados dois caminhões com procedência duvidosa, na Rua Augusto Pereira de Oliveira e avistaram 02 caminhões guardados no terreno, sendo um com as mesmas características do caminhão furtado, porém com placa de identificação diferente. Na manhã de ontem (08), os policiais retornaram ao terreno e após uma averiguação minuciosa foi constatado que o veículo era o mesmo que havia sido furtado na cidade de Ilhéus no último dia 03. De posse das informações a respeito do indivíduo que estaria realizando o desmanche dos caminhões, os policiais do 17° BPM mantiveram contato com a 94ª CIPM de Caetité, pois o responsável pelo desmanche estaria naquela cidade. Sendo o homem identificado na cidade de Caetité, foi recambiado para a sede da 22ª Coorpin, onde foi autuado pelo crime de receptação qualificada. O conduzido assumiu a receptação do veículo furtado, bem como do outro desmanchado, também objeto de furto. Dando prosseguimento a diligência os policiais do 17° BPM receberam denúncias de mais dois outros caminhões produtos de furto, que estariam escondidos em outros terrenos nos bairros Belo Horizonte e Sandoval Guimarães. Esses dois caminhões já desmanchados e um veículo Chevrolet D20 com sinais de identificação adulterados, foram encontrados em posse de dois homens, que também foram conduzidos à delegacia. Os 04 caminhões, 03 desmanchados e 01 intacto, bem como a caminhonete D-20 foram levados para a sede da 22ª Coorpin para dar prosseguimento à investigação da atuação da quadrilha e procedência dos caminhões desmanchado. O veículo furtado em Ilhéus foi restituído ao seu proprietário.