BUSCA PELA CATEGORIA "Aracatu"


Transporte intermunicipal será suspenso em Aracatu a partir de amanhã (30)

Transporte intermunicipal será suspenso em Aracatu a partir de amanhã (30) Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

O transporte intermunicipal será suspenso em Aracatu, Dário Meira, Itatim, Jaguarari, Mata de São João, Santa Bárbara, São Felipe e Seabra a partir de quinta-feira (30). A medida envolve qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. A decisão foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (29). O decreto também autoriza a retomada do transporte em Abaíra, Itapé e Serrinha, municípios com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19. No total, a Bahia possui 97 cidades com transporte suspenso. O objetivo é conter o avanço da pandemia do novo coronavírus no estado. A suspensão inclui Acajutiba, Água Fria, Aiquara, Alagoinhas, Almadina, Amélia Rodrigues, Barro Preto, Buerarema, Caetanos, Caldeirão Grande, Camacã, Camaçari, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Canavieiras, Candeias, Capim Grosso, Castro Alves, Catu, Coaraci, Conceição do Jacuípe, Coração de Maria, Cravolândia, Cruz das Almas, Curaçá, Dias D'Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Floresta Azul, Gandu, Gongogi, Ibicaraí, Ibirataia, Ibotirama, Ilhéus, Ipiaú, Ipirá, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagibá, Itajuípe, Itamari, Itaparica, Itapebi, Itapetinga, Jaguaquara, Jequié e Juazeiro. Também estão com o transporte suspenso os municípios de Laje, Lajedo do Tabocal, Lauro de Freitas, Licínio de Almeida, Livramento de Nossa Senhora, Luís Eduardo Magalhães, Maragogipe, Mirante, Morpará, Mucugê, Nilo Peçanha, Oliveira dos Brejinhos, Paramirim, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Rio do Pires, Rio Real, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Teresinha,  Santaluz, São Francisco do Conde, São José da Vitória, Sátiro Dias, Serra Preta, Simões Filho, Taperoá, Teixeira de Freitas, Ubaitaba, Ubatã, Una, Uruçuca, Valença, Valente, Vera Cruz e Vitória da Conquista.


Aracatu: prefeitura mantém 'Estado de Calamidade Pública' e prorroga suspensão das aulas até o dia 31 de maio

Aracatu: prefeitura mantém 'Estado de Calamidade Pública' e prorroga suspensão das aulas até o dia 31 de maio Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

Por meio do Decreto de nº 18, de 27 de abril de 2020, a Prefeitura Municipal de Aracatu determinou que fica mantido o "Estado de Calamidade Pública" em todo território do município em razão da Pandemia da Covid-19, com suspensão imediata e até o dia 31/05/2020 de todos os eventos, inclusive esportivos, festas, reuniões, espetáculos de qualquer natureza, ou qualquer evento público ou privado que haja aglomeração de pessoas. Também estão suspensas as aulas da rede municipal de ensino, além das demais unidades escolares estaduais e particulares, prorrogando a suspensão até o dia 31/05/2020, bem como o transporte escolar por igual período. Ainda como medida de prevenção, fica determinada a suspensão de funcionamento até 31/05/2020 do atendimento presencial ao público em estabelecimentos comerciais ou sem fins lucrativos e de prestação de serviços, incluindo: lojas de comércio varejista e atacadista; bares, restaurantes, lanchonetes, sendo estes em pontos fixos ou móveis, a exemplo de trailers e ambulantes; casas noturnas e similares; clubes, academias, associações recreativas e de lazer e/ou similares; hotéis, pensões e similares, inclusive vedada a aceitação de novos hóspedes; Igrejas, templos e similares; feiras livre, barracas móveis de vendas de alimentos e similares;  quaisquer outros serviços privados de atendimento ao público, desde que não esteja nas exceções. A suspensão não se aplica aos seguintes estabelecimentos: serviços de saúde, excetuando-se os serviços ambulatoriais eletivos das redes pública e privada; farmácias, assistência médica e hospitalar; mercados, supermercados e similares, açougues, hortifrutigranjeiros, quitandas, centros de abastecimento de alimentos e similares, mediante controle de acesso para não gerar aglomeração de pessoas; lojas de vendas de alimentação para animais; distribuidores de gás; distribuidoras de água mineral; padarias; geração, transmissão e distribuição de energia elétrica; tratamento e abastecimento de água; captação e tratamento de esgoto e lixo; processamento de dados ligados a serviços essenciais; segurança privada; serviços funerários; lotéricas, atendentes bancários e afins; postos de combustível; Correios e outras empresas de entregas de produtos, bens e mercadorias. Todos os estabelecimentos que poderão permanecer abertos deverão adotar medidas de proteção, não permitindo aglomeração, de forma que pessoas fiquem a mais de 2,0m (dois metros) umas das outras e, se necessário, regular o fluxo de pessoas aos estabelecimentos. Os estabelecimentos comerciais deverão impedir o acesso e a permanência de pessoas que não estejam utilizando a máscara de proteção facial. Leia o decreto na íntegra. (Confira o decreto).


Secretaria de Saúde de Aracatu divulga nota oficial sobre os dois casos de Coronavírus no município

Secretaria de Saúde de Aracatu divulga nota oficial sobre os dois casos de Coronavírus no município Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

A Secretaria Municipal de Saúde do município de Aracatu informou  o registro dos dois primeiros casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19). Os casos positivos são de dois pacientes, casados, sendo um de um sexo masculino de 48 anos de idade, e outra do sexo feminino, com 49 anos de idade. "Assim que houve suspeita dos casos, com início dos primeiros sintomas, os protocolos do Ministério da Saúde foram ativados, o monitoramento integral e indicação de quarentena. Os pacientes já procuraram atendimento hospitalar e receberam os devidos cuidados sendo solicitado o acompanhamento médico individualizado, e não houve necessidade de internamento, deste modo, estão em isolamento social", informa a secretaria. A secretaria ressalta ainda, "a importância do isolamento voluntário de todas as pessoas que tiveram contato com os pacientes, para que fica em quarentena por 14 dias em seus domicílios e sem contatos com os demais membros da família. Se durante esse período manifestar algum sintoma da doença devem entrar em contato pelo Disk Covid (77) 98167-5568. Lembrando que pessoas vindas de outros estados devem obrigatoriamente cumprir os isolamento voluntário, evitando uma possível contaminação de seus familiares e demais pessoas. O momento não é confraternizações e reuniões, tenhamos consciência", informa a secretaria.


Aracatu tem dois casos confirmados do Novo Coronavírus

Aracatu tem dois casos confirmados do Novo Coronavírus Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

O Laboratório Central da Bahia (Lacen) confirmou que o município de Aracatu tem dois casos do Novo Coronavírus. Segundo informações, um casal teria sido infectado pelo vírus. Nossa reportagem manteve contato com a Secretaria Municipal de Saúde do município, mas não obteve as informações oficiais que devem ser divulgada ainda na tarde desta segunda-feira (27).


Aracatu: município segue sem casos confirmados da Covid-19

Aracatu: município segue sem casos confirmados da Covid-19 Foto - Divulgação

Em Boletim Epidemiológico Covid-19 publicado nesta quarta-feira, 22 de abril, a Secretaria Municipal de Saúde de Aracatu informou que há no município 5 casos suspeitos da doença , 2 aguardam resultado, 1 descartado, e 4 aguardam coleta. Não há casos confirmados no município. 


Câmara de Vereadores de Aracatu delonga votação de PL para investimentos em saúde pública

Câmara de Vereadores de Aracatu delonga votação de PL para investimentos em saúde pública Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

Atualmente, os governantes têm adotado várias medidas para a contenção da propagação da Covid-19 e estruturação do setor de saúde. Em Aracatu, por exemplo, o Executivo Municipal enviou à Câmara de Vereadores Projeto de Lei com  pedido de abertura de crédito especial, com base na cessão onerosa dos volumes excedentes do Pré-Sal, destinando R$ 270 mil reais para construção e ampliação  de unidades de saúde no Hospital Municipal Felinto Silveira Maia e aquisição e equipamentos hospitalares e ambulatoriais. No entanto, de acordo com fonte ouvida pelo Agora Sudoeste, mesmo diante do cenário de pandemia, o Legislativo tem demorado para realizar a votação deste projeto. "Poderia até se justificar com a paralisação das atividades por conta do coronavírus, mas já se sabe que, mesmo com todas as restrições, os vereadores se reuniram na última quinta-feira e deliberaram indicação ao Executivo Municipal para isenção do IPTU e da contribuição de iluminação pública, contudo, como se trata de lei que depende de estimativa de impacto orçamentário e financeiro, ainda está em estudo sua viabilidade, como informado pela Prefeitura, sob pena de gerar um colapso, inclusive na saúde, por falta de verbas. A isenção de impostos é um tema muito controverso, já que é a forma que o Município possui para arrecadação de valores para que seja mantida a máquina pública, sobretudo (nesse momento de pandemia) os hospitais e postos de saúde. A renúncia de receita deve ser embasada, sobretudo, em estudos que informem a sua viabilidade, sem que traga maiores prejuízos para a população, como a interrupção de algum serviço essencial, o que poderia configurar, em tese, improbidade administrativa do gestor", disse a fonte, que preferiu não se identificar, a reportagem da Agora Sudoeste. A fonte observou ainda que mesmo com o pleito em mãos, a reunião dos vereadores não tratou do crédito especial para a saúde, segundo a fonte, valores muito mais expressivos e que certamente iriam beneficiar toda a população a curto prazo, com a ampliação do hospital local e aquisição de equipamentos, já que o medo das autoridades é a falta de leitos e de estrutura, caso haja necessidade em massa da população em busca do atendimento médico. Nesta quarta-feira (22), novo projeto de lei foi proposto pelo Executivo Municipal, em regime de urgência, com mais um pedido de abertura de crédito especial (R$ 1.312.300,00) para criação de ações emergenciais ao combate a Covid-19, oriundos do Fundo Municipal de Saúde e do Fundo Municipal de Assistência Social, seguindo orientações da CONASEMS (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde). "Já há em caixa o valor de pouco mais de 200 mil reais, que foi disponibilizado no último dia 14, com nota técnica do Conselho expedida no dia 15/04. Esperamos que não se tenha a mesma morosidade do projeto anterior, já que se trata de ações em benefícios da vida da população, com disponibilização de mais de 470 mil reais imediatos para o combate a Covid-19, podendo chegar até ao montante de R$ 1.582.300,00 (um milhão quinhentos o e oitenta e dois  mil e trezentos reais)", observou a fonte.


Nota de esclarecimento da Embasa - Barragem de Aracatu

Nota de esclarecimento da Embasa - Barragem de Aracatu Foto - Divulgação

Com relação às manifestações de populares a respeito da Barragem de Aracatu, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) esclarece que o reservatório passou por recentes intervenções de melhoria estrutural e física que contemplaram a recuperação do vertedouro, o isolamento da área da barragem e o plantio de vegetação apropriada para a proteção do manancial. Para isso foram realizados investimentos de cerca de R$500 mil. O aparecimento de plantas aquáticas próximo ao vertedouro após a recuperação do volume máximo da barragem não interfere na qualidade da água captada para tratamento e distribuição por meio do sistema de abastecimento da cidade. É importante ressaltar que o ponto de captação está localizado muito acima do local onde as plantas se acumularam. Por fim, a Embasa informa que é terminantemente proibido o acesso de pessoas não autorizadas às instalações da barragem, especialmente na área do vertedouro, pois há risco elevado de acidentes.

Nota de esclarecimento da Embasa - Barragem de Aracatu Foto: Divulgação

Barragem de Aracatu sangra e traz alívio para a população

Barragem de Aracatu sangra e traz alívio para a população Foto - Reprodução / WhatsApp

As fortes chuvas que tem caído no município de Aracatu, chegando até a 70mm, resultaram no sangramento da Barragem da Embasa, principal fonte de abastecimento da cidade. O reservatório tem capacidade de cerca de 6 milhões de m³. A atual situação é um alivio para a população do município.


Secretaria Municipal de Educação de Aracatu realizará a entrega de cestas básicas aos alunos da Rede Municipal de Ensino

Secretaria Municipal de Educação de Aracatu realizará a entrega de cestas básicas aos alunos da Rede Municipal de Ensino Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

A Secretaria Municipal de Educação de Aracatu, em parceria com o Conselho Municipal de Alimentação Escolar, realizará a distribuição de cestas básicas aos alunos da Rede Municipal de Ensino do município, tendo em vista o cumprimento da lei nº 13987/20, a qual autoriza em caráter excepcional durante o período de suspensão das aulas em razão de situação de emergência ou calamidade pública a distribuição de gêneros alimentícios adquiridos com recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar aos pais ou responsáveis dos estudantes das escolas públicas de Educação Básica. Será disponibilizada uma cesta básica para as famílias que atendam aos seguintes critérios: comprovar a existência de aluno (a)  regularmente matriculado na rede Municipal de Ensino; está cadastrado no CADúnico do governo federal; não possuir nenhum membro familiar que receba qualquer benefício previdenciário ou que tenha algum emprego formal na própria residência. A distribuição das cestas básicas será realizada por duas etapas: a primeira etapa de recebimento contemplará os possíveis beneficiários que residem na zona rural do município.os responsáveis deverão dirigir-se a escola municipal na qual o aluno frequenta portando os seguintes documentos: registro de nascimento ou carteira de identidade do aluno, carteira de identidade de um dos pais ou responsável, comprovação de inscrição no cadastro único do Governo Federal ou cartão do bolsa família.a segunda etapa de recebimento da cesta básica contém parar os possíveis beneficiários que residem na sede do município. os responsáveis deverão dirigir-se a secretaria Municipal de Educação portando os documentos citados anteriormente.tendo em vista os protocolos de segurança determinados pelo Ministério da Saúde, no momento da entrega das cestas básicas deverão ser evitadas água minerações mantendo-se distanciamento considerável entre as pessoas.


Aracatu: grupo se reúne para arrecadar doações para famílias carentes da cidade

Aracatu: grupo se reúne para arrecadar doações para famílias carentes da cidade

Diante da situação em nosso mundo, desejamos contar com a sua participação para que juntos possamos ajudar muitas famílias da nossa cidade e região. A ação solidária visa arrecadar alimentos não perecíveis em prol das pessoas consideradas em situação de vulnerabilidade social, como forma de auxílio durante a pandemia do Coronavírus - Covid-19. As doações devem ser entregues a Thiago, Roberto, funcionários da delegacia, Ezequiel policial e Darlan capoeirista. Todos deles estão também dispostos a buscarem as doações em qualquer local.