Cipe Sudoeste comemora 16° aniversário

Cipe Sudoeste comemora 16° aniversário

Uma vez, ao iniciar mais um treinamento do SEALs, a Tropa de elite Norte-americana, William McRaven, Almirante daquela Marinha disse: “Esta noite, os senhores terão que dar o melhor de si. Terão que superar seus medos, suas dúvidas e seu cansaço. Não importa a escuridão, os senhores devem completar a missão. Isso é o que os separa de outra pessoa qualquer". “Ao chegar ao 16° Aniversário de criação da Cipe-Sudoeste (Caesg), enquanto comandante desta honrada Tropa, que é extremamente importante no seio da estrutura da PMBA, faço uma reflexão e vejo quão corajosos são os profissionais que compõem esta Unidade. Corajosos, porque deixam suas casas, e se atiram ao desconhecido, que como os SEAL, em treinamento, superam seus medos, suas dúvidas, seus cansaços, mas que completam sua missão. E é isso que faz a CAESG ser, como costumo dizer: *A fortaleza avançada do sudoeste baiano*.  À força desta Unidade inspira os que a compõem e dão esperança aos que, de algum modo, precisam do seu amparo. Daqueles que precisam vencer a dor, a decepção, a agonia... a CAESG tem a capacidade não só de sobreviver, mas de viver e inspirar pessoas. De dar esperança, de ajudar oprimidos a se levantar, de ser uma referência de Unidade Operacional Especializada, de permear os sonhos de pessoas dentro e fora da Instituição, de cavar masmorras aos opressores. À pele rajada que compõe seu uniforme é a maior representatividade do respeito que impõe cada componente desta Unidade. É uma tatuagem gravada, eternamente, no coração e na alma de todos, que fincam morada entre suas colunas, porque um caesguiano é um guerreiro que se reinventa, que continua quando outros pensam em desistir, que faz de sua coragem o seu escudo de proteção e que persevera nos momentos difíceis. Se pudéssemos sintetizar a importância da Unidade, em um pensamento, diríamos que é a atitude que a diferencia. A atitude de buscar, de fazer sempre mais e melhor, de alcançar seu objetivo, sem pensar em louros ou recompensas. É a atitude que faz a importância desta Unidade ser elevada. Tenho o maior orgulho de ser um caesguiano, e tenho a certeza que o legado deixado pelos antigos comandantes e comandados destes 16 anos, continuarão presentes, firmes e sendo o farol que ilumina e protege toda a região Sudoeste. Tenho essa convicção, porque esta Tropa encoraja, reanima e renova nosso compromisso, todos os dias, com sua atitude, exemplo e dignidade. Parabéns Caesguianos de hoje, de ontem e de sempre! Que seus combatentes, continuem, como diz a nossa oração, sendo "revestidos com força, inteligência, bravura e união.  Parabéns Caesg, para sempre a fortaleza avançada da região sudoeste”, escreveu o Major Mascarenhas.