Agora Sudoeste

Mundo: Mulheres que já fizeram aborto receberão o perdão da Igreja Católica

Mundo: Mulheres que já fizeram aborto receberão o perdão da Igreja Católica
Foto: Divulgação

No próximo domingo (13), a Igreja Católica perdoará mulheres de todo o mundo que já abortaram e ainda aqueles que tenham, de qualquer modo, contribuído para a ocorrência do aborto. A absolvição - também estendida a mulheres mortas - faz parte do Jubileu da Misericórdia, o Ano Santo do catolicismo que vai desta terça (07) até o dia 20 de novembro de 2016. "A absolvição do pecado do aborto é uma prerrogativa dos bispos que, em situações particulares, podem delegar esta função aos padres. Todavia, durante o Ano Santo, para facilitar ainda mais o perdão, o papa Francisco concedeu esta faculdade a todos os sacerdotes", contou o padre Geraldo dos Reis Maia, reitor do Colégio Católico Pio Brasileiro, em Roma, em entrevista à BBC Brasil. Em setembro deste ano, o papa Francisco falou sobre as formas em que seria possível conceder o perdão às mulheres. "Conheço bem os condicionamentos que as levaram a tomar esta decisão. Sei que é um drama existencial e moral. Encontrei muitas mulheres que traziam no seu coração a cicatriz causada por esta escolha sofrida e dolorosa", afirmou. O Jubileu da Misericórdia começa com a abertura da Porta Santa da Basílica de São Pedro, no Vaticano, mas, no domingo (13), igrejas e catedrais de todo o mundo deverão abrir suas portas para oferecer o perdão. Para receber a indulgência, além de se confessar e comungar, os católicos deverão realizar uma peregrinação até as igrejas. Para os que já faleceram, o perdão poderá ser concedido através de orações feitas por parentes ou amigos.


Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Saiba Mais