Empresa brumadense adquire primeiro Scania movido a gás natural veicular (GNV) e biometano a operar no nordeste brasileiro

Empresa brumadense adquire primeiro Scania movido a gás natural veicular (GNV) e biometano a operar no nordeste brasileiro Foto - Divulgação

“Os clientes exigem que os equipamentos sejam diferenciados para que a operação deles aconteça de forma mais eficiente. Mas, por que não ir além, com o uso de um combustível alternativo? Temos que sair na frente porque alguém tem que começar. No Nordeste a Comtrasil está sendo pioneira com uma forma mais limpa de trabalhar. O mundo clama por isso e por esse compromisso.” É com essa fala de Thales Souza Silva, sócio-diretor da Comtrasil, que trazemos a boa nova: a empresa acaba de adquirir o primeiro Scania movido a gás natural veicular (GNV) e/ou biometano do Nordeste do Brasil. O R 410 6x2 fará o transporte de bebidas e de produtos de higiene e limpeza para dois grandes embarcadores clientes da Comtrasil. A empresa, que conta com 19 unidades operacionais em todo o Brasil, tem sua matriz localizada em Brumado, na Bahia. A operação será dedicada e bastante dinâmica, pois o caminhão será responsável por fazer a transferência dos produtos entre as fábricas dos clientes. Ou seja, a viagem, que terá rota aproximada de 900 km, começa lá na ponta, na sede de um dos embarcadores na Paraíba, e tem como destino a carga do outro cliente, no estado da Bahia. “Vamos casar fluxos e rotas. Como ambos têm uma demanda e valorizam muito a questão ambiental, optamos por ofertar aos dois esta sinergia operacional, a fim de evitar que o caminhão rode vazio no percurso e possibilitando que o trabalho seja feito com emissão muito menor de CO2”, explica Thales. O abastecimento será feito no decorrer do trajeto, nos postos disponíveis nas regiões metropolitanas por onde o veículo passar. “Como o caminhão vai trafegar por rodovias federais, temos a opção de abastecer nas regiões metropolitanas das capitais, como Salvador, na Bahia; João Pessoa, na Paraíba; Recife, em Pernambuco; e Maceió, em Alagoas. Estaremos bem assistidos”, detalha o empresário.