Complexo Integrado de Educação de Caetité disponibiliza plano de estudo para mais de 770 estudantes

Complexo Integrado de Educação de Caetité disponibiliza plano de estudo para mais de 770 estudantes Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

Em um momento que todo o país se mobiliza para minimizar os efeitos provocados pela pandemia do Coronavírus (Covid-19), unidades escolares da rede estadual de ensino buscam alternativas para motivar os estudantes neste período de suspensão das aulas. No Complexo Integrado de Educação de Caetité (CIEC), os professores estão disponibilizando "Planos de Estudo" que contemplam atividades pedagógicas adequadas a cada turma, que somam 771 estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, com oferta da Educação em Tempo Integral. "Esta iniciativa tem duas intenções. A primeira é mantermos os nossos alunos em isolamento, como medida eficaz de contenção à proliferação do vírus. E a segunda é criarmos uma ambiência de estudos, envolvendo toda a família. O trabalho está suspenso na escola, mas os professores do CIE de Caetité estão comprometidos com a aprendizagem dos seus alunos. Por isso, eles estão recebendo os  Planos de Estudo de todas as disciplinas, via grupo de líderes no WhatsApp, contendo livros em PDF, videoaulas, lista de exercícios, fichas de leitura, roteiro de pesquisa e produção textual, dentre outras atividades. Chegou a hora de utilizarmos a tecnologia para fortalecer o trabalho pedagógico", destacou a diretora do CIEC, Marizete Carvalho. O professor de História, Ângelo Borges, ressaltou a importância de manter os estudantes em atividades que ampliem o conhecimento. "A proposta é produzirmos conteúdos que mantenham os estudantes ocupados e se dedicando a atividades pedagógicas, mantendo suas mentes distantes da preocupação, ansiedade e dúvida, mas, ao mesmo tempo, acendam e mantenham vivas a chama e a esperança de dias melhores. Com certeza, iremos tirar lições muito valiosas e os professores vêm desenvolvendo estas atividades de forma prática com a utilização da internet, para quem tem acesso, e com o uso dos livros didáticos e anotações realizadas em aulas que já tivemos, mantendo a linha de trabalho da unidade que mantém a conexão interdisciplinar nas diversas áreas do conhecimento".