Polícia investiga responsáveis por difamar mulheres nas redes

Polícia investiga responsáveis por difamar mulheres nas redes Foto - Divulgação / Polícia Civil

Policiais civis das unidades territoriais de Piatã e Novo Horizonte deflagraram a 1ª fase da Operação Gossip, na segunda-feira (15). A ação foi iniciada a partir de ocorrências registradas por mulheres, vítimas de ofensas em redes sociais. Durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão, as equipes policiais localizaram um aparelho celular, utilizado para a criação de uma das contas falsas. Uma adolescente de 16 anos, envolvida na administração do perfil, deverá responder por ato infracional análogo ao crime de difamação. O titular da Delegacia Territorial (DT), de Piatã, delegado Paulo Henrique de Oliveira, esclarece que as pessoas que causam dano à imagem de alguém estão cometendo um crime. "Os responsáveis por essas contas também poderão ser autuados pelo uso de falsa identidade", explica. As investigações prosseguem nos dois municípios, com o objetivo identificar e localizar outros envolvidos na administração dos perfis. "As vítimas ainda podem solicitar indenização por danos morais", complementa o delegado.