ACM Neto (DEM) decide individualmente apoiar Jair Bolsonaro no segundo turno; seu partido mantém neutralidade

ACM Neto (DEM) decide individualmente apoiar Jair Bolsonaro no segundo turno; seu partido mantém neutralidade Foto - Wilker Porto / Agora Sudoeste

Em coletiva de imprensa no Hotel Golden Tulip, nesta quarta-feira (10), o prefeito de Salvador e presidente nacional do Democratas (DEM), ACM Neto anunciou sua posição individual e irá apoiar Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno das eleições presidenciais deste ano. O DEM não escolheu nem Haddad, nem Bolsonaro e liberou os líderes e militantes da sigla para escolherem livremente entre as opções. Como presidente nacional da legenda, Neto conduziu o processo dentro do partido que optou pela neutralidade no segundo turno. De acordo com informações do Bahia Notícias, ao declarar seu voto, o prefeito falou sobre o que esperam seus eleitores. "A população espera tudo de mim, menos que eu me omita. Quem me conhece sabe que toda minha história foi marcada por ter posições e defender as posições que adoto. Não vai ser deferente agora", declarou. "Num momento tão importante para a história do Brasil, esse é o momento em que as pessoas na vida publica precisam adotar suas posições, justifica-las e defendê-las. Dada a circunstância, desse segundo turno Eu irei votar em Jair Bolsonaro", disse. Durante a campanha, no primeiro turno, o prefeito de Salvador chegou a gravar um vídeo para a campanha “Eles Não”, puxando voto contra Haddad e Bolsonaro e fez duras críticas contra o capitão de reserva.